Hábitos para ter um outono saudável e equilibrado

O outono começou oficialmente no dia 20 de março e friozinho está chegando. Com isso, muita gente que está passando pelo processo de emagrecimento acredita que irá ganhar peso. Há pouco também tivemos a Páscoa, época de encontros de família e muito chocolate, é claro. As festividades e mudança de temperaturas influenciam na nossa rotina e saúde, mas para que possamos curtir os momentos felizes e tirar o melhor de cada etapa da vida, é se preparar para os acontecimentos. Aqui no Fit your Mind sempre oriento os participantes a não perderem nada por medo ou culpa. É preciso se preparar e fazer escolhas inteligentes para que as mudanças de rotina não ponham tudo a perder.

A verdade é que os nossos hábitos alimentares são influenciados diretamente pela temperatura. No calor, acabamos consumindo mais água e alimentos com poucas calorias, como frutas e verduras. Já o frio, muitas vezes nos faz optar por alimentos mais gordurosos, geralmente carboidratos, como massas, pizzas, pães, além de bebidas como vinho. Mas não podemos nos privar de tudo só porque está mais frio e a possibilidade de engordar é maior: é preciso encontrar equilíbrio para curtir todas as estações.

Pensando que o outono pode gerar angústias e dúvidas sobre a alimentação, separei algumas dicas para você encontrar o equilíbrio. Confira!

Hidratação é muito importante

Não é porque o tempo está frio que devemos diminuir o consumo de água. O nosso corpo segue necessitando estar hidratado, mesmo que muitas vezes a sede não apareça, como no verão. Com o clima mais seco, as nossas mucosas ficam mais desidratadas também, nos deixando mais propensos a pegar resfriados.

Aposte nas frutas da época

Mesmo que no frio as frutas não façam tanto sucesso, aposte nelas para os lanches e sobremesas. Mantenha sempre limão, laranja, acerola, kiwi e outras frutinhas ricas em vitamina C no cardápio, para ajudar seu sistema imunológico a funcionar bem e evitar resfriados. Escolha frutas da época, que são mais frescas e baratas.

Use e abuse de sopas e chás

Nos dias frios, a noite é a hora que mais sentimos fome, não é mesmo? Para se aquecer e evitar comidas muito calóricas todas as noites, aposte em sopas e caldos com legumes. Nada de sopas e caldos prontos, que são ricos em sódio e pobres em nutrientes. Os chás também são aliadas para aquecer e trazem inúmeros benefícios, como a melhora da imunidade  e relaxar antes de dormir.

Comece o dia com um bom café da manhã

Hummm, um cafézinho é ótimo, hein? Então aproveite as manhãs mais frescas para se aquecer com um bom café, Para acompanhar, aposte em grãos integrais, aveia, castanhas, frutas e ovos mexidos. Tenho certeza que o seu dia vai começar melhor ainda!

Aproveite o sol para atividades ao ar livre

Muitos atletas relatam que o frio é ótimo para a prática de suas atividades. Afinal, as altas temperaturas muitas vezes nos trazem a sensação de mal estar e o sol é mais forte, Por isso, aproveite os dias mais friozinhos para aproveitar ao ar livre. Faça caminhadas, corridas, pedale e aproveite para encontrar uma atividade que possa ter uma continuidade em todas as estações.

Experimente novos sabores

O outono/inverno é uma ótima época para se aventurar na cozinha, pois acabamos gostando de ficar mais em casa. Aproveite para testar novas receitas, conhecer novos temperos e cuidar da sua alimentação. Não esqueça: especiarias combinam muito bem com o frio. Aposte em manjericão, orégano, salsinha, gengibre, pimentas e outros sabores para comidas mais gostosas.

Quer viver uma vida em equilíbrio sempre? Venha conversar comigo!

Conheça o programa de coaching para emagrecimento, Fit your Mind, baixe o e-book gratuitamente no site: http://fityourmind.com.br/#ebook

Como você vê o seu corpo?

Quando você se olha no espelho, será que a imagem que vê é real? Muitas vezes não sabemos, mas podemos nos ver com defeitos que não são verdadeiros ou até mesmo com uma imagem distorcida de nós mesmos. O controle e o entendimento das emoções que nos levam aos problemas com o peso é um dos pilares do Programa Fit your Mind e é fundamental entender alguns sentimentos que nos trazem angústia e infelicidade para que o processo de emagrecimento seja uma jornada de autoconhecimento e alegrias.

A autoaceitação é fundamental para levar uma vida feliz, com a autoestima em alta e sem neuras. Por mais que muitas vezes emagrecer ou mudar o corpo seja uma questão de saúde, o padrão de beleza imposto pela sociedade e a mídia é surreal e não pode ser um parâmetro de corpo ideal. A insatisfação com a própria imagem pode tomar uma proporção que, às vezes, sai de controle e se torna uma patologia. Isso pode levar a doenças graves como bulimia, anorexia e depressão.

O que é dismorfia corporal?

Mais comum do que se imagina, a dismorfia é caracterizada por uma insatisfação com a imagem corporal. Por não corresponder aos padrões de beleza impostos muitas pessoas desenvolvem esse transtorno. Pequenas características fora do padrão, como o quadril largo, baixa estatura ou estar um pouco acima do peso já são suficientes para passar por sacrifícios em nome da beleza, muitas vezes comprometendo a saúde.

O Transtorno Dismórfico Corporal é complexo de diagnosticar, pois pode vir com sintomas de transtornos alimentares ou não, além de ser considerado um problema psiquiátrico.  A pessoa que tem a condição sofre com imperfeições mínimas ou até defeitos imaginários, o que interfere no seu dia a dia. Isso leva a pensamentos obsessivos e compulsivos associados aos negativos e repetitivos. O ideal é observar sintomas como o Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC), dificuldade de falar sobre assuntos relacionados ao corpo e comportamentos sociais, onde a pessoa se esconde atrás de roupas, geralmente maiores ou de cores escuras e evita a vida social, como as festas, reuniões de família e encontros amorosos.

Se você sente algo semelhante ao que falamos neste texto, o primeiro passo é entender que o seu corpo precisa ser respeitado e amado. A sua saúde sempre deve ser prioridade e não os padrões de beleza. Leve em conta questões como o seu biotipo, genética e as limitações que a rotina impõe, cuidando de você no seu tempo, com atividades prazerosas e uma alimentação adequada. Caso emagrecer seja necessário, deve ser um processo leve e transformador para o bem, sem restrições e sofrimento. Ser feliz é a melhor forma de ter saúde.

Caso entenda que é necessário, procure uma ajuda profissional para diagnosticar e tratar esse problema. Conte comigo também para ajudar você a ser mais feliz com o próprio corpo. Juntos somos mais fortes!

Conheça o programa de coaching para emagrecimento, Fit your Mind, baixe o e-book gratuitamente no site: http://fityourmind.com.br/#ebook